Páginas

sábado, 12 de novembro de 2011

10 grandes power trios

Estava lendo agora a pouco, em algum lugar, um artigo sobre os grandes power trios da história... e inspirado nisso resolvi escrever sobre o tema. Mas não vou ficar postando aos montes, nem filosofando sobre o tema, apenas vou postar os meus dez grupos favoritos.

----------------------------------------------------------------------------------------------


#10
- Anvil


Pra essa décima vaga aqui fiquei em dúvida entre Anvil e ZZ Top. Escolhi o Anvil porque eles não podem ser mais injustiçados que já foram, nem mesmo nesse mísero blog deste que vos escreve, hahaha.
O Anvil veio ter  mais popularidade recentemente com o lançamento de um dvd-documentário que conta um pouco da história da banda, além de mostrar as dificuldades de uma lendária banda dos anos 80 em conseguir uma gravadora e fazer shows em lugares decentes.
O disco "Metal on Metal" (1982) é o grande momento da discografia da banda. Com vocês, "Scenery":








----------------------------------------------------------------------------------------------

#9
- The Jimi Hendrix Experience


Escrever sobre Jimi não precisa, eleito por 11 entre 10 guitarristas como o maior da história (como eu não sou guitarrista, tenho direito de discordar disso, mas isso é papo pra outropost...), todos o conhecem. Nesse maravilhoso power trio com Noel Redding (baixo) e Mitch Mitchell (bateria), Hendrix lançou em dois anos três álbuns clássicos.




----------------------------------------------------------------------------------------------


#8
- Emerson, Lake & Palmer


Formado por três lendas: Keith Emerson (teclados), Greg Lake (baixo, vocal, guitarra) e Carl Palmer (bateria), o ELP é uma das maiores bandas de rock progressivo da história, tendo lançado verdadeiros clássicos como "Tarkus", "Trilogy" e "Brain Salad Surgery" nos anos 70.

Escolhi a canção "Lucky Man" para postar aqui porque é uma das mais acessíveis para quem não está acostumado com as canções mais longas e elaboradas do estilo:




----------------------------------------------------------------------------------------------

#7
- The Police


Com o lendário Sting no baixo e vocal, o incrível baterista Stewart Copeland e o guitarrista Andy Summers, o The Police revolucionou ao misturar rock com ritmos com reggae e ska (daí vem os Paralamas serem chamados de The Police brasileiros)

O melhor álbum do trio para mim é o primeiro: Outlandos d'Amour (1978), mas a canção que mais gosto é de 1983:






----------------------------------------------------------------------------------------------


#6
- Krisiun


Considerada como a maior e mais influente banda de death metal da atualidade, os irmãos gaúchos Alex (vocal e baixo), Moyses (guitarra) e Max (bateria) pularam para um nível acima com o lançamento de seu novo, e melhor, álbum: The Great Execution. Inovando sua própria música em termos de feeling, levadas e até tecnicamente, com muita influência de thrash metal, como na canção abaixo que escolhi para postar aqui:






----------------------------------------------------------------------------------------------


#5 
- Os Paralamas do Sucesso


Uma das quatro maiores bandas de rock nacional de todos os tempos (segundo a lenda, as outras três são Legião Urbana, Titãs e Barão Vermelho), os Paralamas nunca mudaram a formação após o álbum de estréia, "Cinema Mudo", em 1983. Sempre com Herbert Viana na guitarra e vocal, Bi Ribeiro no baixo e o fantástico João Barone na bateria, o grupo se destacou fazendo uma mistura de rock com reggae e ska, tendo álbuns como "Selvagem?" considerado como revolucionário por misturar vários instrumentos, principalmente africanos, ao som do trio.

O meu álbum favorito d'Os Paralamas é o "Big Bang", de 1989, e escolhi uma canção dele para postar aqui:




----------------------------------------------------------------------------------------------

#4
- Dr. Sin


Uma das bandas mais injustiçadas do país (ao lado do Korzus), os brasileiros do Dr. Sin são, na minha opinião, a melhor banda de hard rock que temos. Incrivelmente tecnicos, os irmãos Andria (Vocal e baixo) e Ivan Busic (bateria), junto com Edu Ardanuy (guitarra), conseguem compor temas extremamente complexos que soam como simples melodias agradáveis (e às vezes até radiofônicas) aos nossos ouvidos.
Apesar de serem uma banda de hard rock, tem no Rush uma das principais influências e por isso as passagens progressivas em seus discos não são poucas

O meu disco favorito deles é o "Brutal", de 1995, mas a canção que postarei é do álbum "Dr. Sin II", de 2000, na versão ao vivo do disco "10 Anos Ao Vivo", de 2003. A canção é uma dessas mais progressivas da banda.





----------------------------------------------------------------------------------------------


#3
- Motörhead


Impossível escrever sobre power trios e não lembrar da banda de Lemmy. Por algum tempo a banda foi um quarteto, mas registrou seus discos clássicos em forma de power trio e segue atualmente lançando ótimos álbuns com formação em power trio também. Lemmy rejeita qualquer outro rótulo que não seja rock 'n' roll, e costuma abrir os shows da banda dizendo: "nós somos o Motörhead, e somos uma banda de rock 'n' roll". E é verdade, o rock 'n' roll mais sujo e pesado que eu já escutei.

Minha canção favorita da banda é "Iron Fist", e foi com ela que eu conheci a banda há séculos atrás, através deste videoclipe:






----------------------------------------------------------------------------------------------


#2
- Engenheiros do Hawaii (Gessinger, Licks & Maltz)


Engenheiros também é uma banda que durante muito tempo foi um quarteto, quinteto e, de fato, quando a banda deu um tempo nas atividades em 2008, ninguém sabia mais quem era membro da banda e quem era músico contratado. Mas sua fase clássica foi como power trio, primeiro com Humberto Gessinger na guitarra e vocal, Carlos Maltz na bateria e Marcelo Pitz no baixo, que durou só o primeiro álbum. Depois disso Humberto foi para o baixo, Maltz continuou na bateria e recrutaram Augusto Licks para guitarrista e essa formação clássica registrou os melhores álbuns da banda entre 1987 e 1993.

Meu disco favorito é o "Gessinger, Licks & Maltz", de 1992, mas a canção que postarei é do álbum "O Papa é Pop", de 1990, e é uma das canções mais progressivas da banda:






----------------------------------------------------------------------------------------------


#1
- Rush


O Rush sempre foi um power trio, e desde o segundo álbum mantem a mesma formação com Geddy Lee (baixo, teclados e vocal), Alex Lifeson (guitarra) e Neil Peart (bateria). Todos músicos extraordinários. Para mim é até difícil escrever mais que isso, visto que o Rush não é só o meu power trio favorito, mas também a minha banda favorita... então fiquem aí com o maior clássico deles:



Nenhum comentário: