Páginas

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Dica da semana: Gojira - The Way of All Flesh

Procurando a comunidade do Gojira no orkut agora a pouco, achei a comunidade do álbum em si, e na descrição diz que a banda faz um "Progressive Death Groove Metal Melódico", quando li eu achei engraçado pra caralho... mas tem verdade nisso aí. Eu não conhecia a banda, e pra ser bem sincero, baixei por dois motivos: 1) eu vi o nome da banda numa lista de bandas de "death metal técnico", que é um estilo que eu tô ouvindo bastante; 2) o vocalista e guitarrista do Gojira, Joe Duplantier, é baixista (sim, baixista, rs) do Cavalera Conspiracy, dos irmãos Cavalera.
Eu ainda estou curtindo demais o The Way of All Flesh pra dar atenção aos outros três álbuns de estúdio da banda.
No disco você encontra muita quebradeira do Progressive Metal e Progressive Death Metal, além de umas influências de Meshuggah e Pantera (Groove), e algumas passagens melódicas que lembram a cena de death metal melódico. Nada no estilo Children of Bodom (que eu gosto bastante), Gojira é um pouco menos melódico, mas ainda assim você sente a influência.
Tem canções rápidas, canções lentas e quebradas... tem pra todos os gostos. Disco nota 10 mesmo.
Meus destaques: A Sight to Behold (melodia fudida de guitarra nas pontes e no refrão, e um clima sombrio nos versos), Adoration for None (participação de Randy Blythe, do Lamb of God) e Wolf Down the Earth (lentona e quebradeira).




1 - Oroborus
2 - Toxic Garbage Island
3 - A Sight to Behold
4 - Yama's Messengers
5 - The Silver Cord
6 - Adoration for None
7 - All the Tears
8 - The Art of Dying
9 - Esoteric Surgery
10 - Vacuity
11 - Wolf Down the Earth
12 - The Way of All Flesh



Lançamento: 2008
Produtor: Joe Duplantier
Technical Death Metal, Groove Metal, Thrash Metal, Progressive Metal

Um comentário:

Daniel disse...

Po, essa banda é maneira.
Tava ouvindo esse álbum e tem uns sons sagazes. É maneiro quando conseguem misturar vários estilos assim e fazer uma resultante original.